sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

noturno










é noite sobre as folhas
da violeta que transita
    sua delicada beleza
no chão do espaço


plena nudez de
luas e nuvens sobre
um cercado de luzes


(lau siqueira – poema vermelho)


ARTE E PSICANÁLISE - Hoje conversei com um amigo, psicanalista, que está produzindo um vídeo com artistas plásticos e escritores. Ele propõe uma investigação sobre a experiência estética em nossas vidas. As certezas e as angústias da arte serão objeto de uma partilha de conhecimentos com um grupo lacaniano que estende suas pesquisas entre Recife e João Pessoa. Entre os entrevistados, o escritor pernambucano Raimundo Carrero, o artista plástico Flávio Tavares, a jornalista e mais algumas pessoas. O meu amigo é o psicanalista Everaldo Junior. Aliás, um ótimo ficcionista ainda inédito.

E O QUE É INÉDITO, HOJE? - A internet é a grande mídia deste início de milênio. Por enquanto, pelo menos, podemos atestar certa liberdade. Aliás, acho que esta é uma mídia que se alimenta, invariavelmente, de liberdade. Por exemplo, alguém que nunca tenha publicado um livro, pode disponibilizar uma grande literatura, a partir de um blog ou outro suporte virtual. Li belos poemas de Luciana Marinho (que é professora de Letras em Recife), no orkut. Mariana Botelho (que já publicou livro) no Facebook. Inédito, hoje, podemos entender como o que ainda não foi escrito. Uma vez que escrita a obra, passa a ser violada imediatamente pelo olhar do próprio autor.

POEMA DE ROSANE CARNEIRO






RECOLHER dos gestos
o silêncio erétil
fundador de sanguíneos sabores
trilha para fera
à espreita
de dentes, músculos e pelos
em movimento
caçar o momento
do abate inteiro
do banquete cego
no clarão interno
do desejo


(Poema de Rosane Carneiro, do livro Corpo Estranho. Editora da Palavra-RJ)

8 comentários:

☆Anjo☆ disse...

Oi Lau, saudades do seu blog!!!! Ando ocupada, mas nunca para apreciar o que é bom, maravilhoso e simples! Adorei o "noturno"... suave e simples!Ótima semana pra ti!!!! Tem postagem nova no meu blog, dá uma passadinha lá e responde uma pesquisa que iniciei!!! Ok!? beijinhos

Leo Wilczek disse...

Ótimo blog, parabéns pelos textos!
Seguindo! ;-D

nina rizzi disse...

ô, bunito, hoje cê foi ellenizado numa edição especialíssima, passalá ;)

beijos.

artur gomes disse...

por aqui nem só beleza
nesses dias de paupéria
nação de tanta beleza
país de tanta miséria

http://goytacity.blogspot.com/2011/03/o-racha-no-ministerio-da-cultura.html

ventilador – jiddu saldanha – cinema possível
http://www.youtube.com/watch?v=SVpwfLpwp00

artur gomes disse...

Lau, nesse link que deixeiaí, as últimas notícias do racha no MINc. grande abraço

Bibiana Poveda disse...

un gran hallazgo tu poesía!!!!! la conocí a través de Mercedes Lorenzo, y ahora veo que aquí anda otra poetaza: Nina.
abrazos y mi admiración.
Bibiana

Valdecy Alves disse...

A poesia é a manifestação que tem como alma o sentimento, a mais profunda interpretação que o poeta pode ter do mundo que o cerca, passado, presente, futuro... das belas artes o ápice. Convido a ler uma poesia de minha autoria, escrita em 05/03/2011 e publicada em meu blog: http://valdecyalves.blogspot.com/2011/03/canto-vida-peregrina.html

Lau Siqueira disse...

Anjo, volte sempre. Gracias, Leo. Nina, vc elleniza até meus pensamentos. Artur, vamos ficar atentos. Bibiana, saludos!Valdecy, gracias pela visita. Belo poema.