Translate

segunda-feira, 27 de maio de 2013


 RUA DA AREIA


um dia o mundo
foi embora e nunca mais
o soul deitou o manto da
noite

as manhãs nasceram
todas no mesmo horizonte

nem dia
nem noite

tudo era  luz
e sombra

até que o esquecimento
tomou a velha cidade
já em ruínas

...e os colibris
e os vampiros beberam
a última taça

(Poema Inédito)

POESIA NA VILA – No dia 06 de junho, às 19 horas, eu e a poeta Nina Rizzi estaremos no restaurante Vila do Porto conversando sobre poesia. A mediação ficará por conta do poeta André Ricardo Aguiar. O restaurante Vila do Porto fica localizado no Centro Histórico de João Pessoa, mais precisamente no Largo de São Pedro Gonçalves, em frente ao Hotel Globo.

RECEITA DE BOLO

escrever poemas
é simples e besta

basta
que não exista
nada sobre nada

nem antes nem
durante e nem
depois

nenhuma palavra
antes da primeira

nenhuma estrofe
certeira nenhum
verso derradeiro

nenhum ponto
final

fechamento
zero

o resto
é mistério

(poema inédito)

O QUE É POESIA? O livro do Fernando Paixão, na coleção "Primeiros Pastos", não me respondeu. No máximo identifiquei algumas formas de escrever poemas. Li, reli e no final sempre me perguntava: mas... o que danado é mesmo poesia? Isso foi no início dos anos oitenta. De lá para cá desenvolvi uma vontade imensa de não saber o que é poesia, pois temo me decepcionar com o resultado. Por enquanto e até quando puder, eu resisto: poesia é matemágica.
QUASE TUDO

o pensamento é esse
poço sem fundo e a
eterna superação
das margens

(poema inédito)

Nenhum comentário: